Mateus 28:18-20

Jesus, aproximando-se, falou-lhes, dizendo: Toda a autoridade me foi dada no céu e na terra. Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-os a guardar todas as coisas que vos tenho ordenado. E eis que estou convosco todos os dias até à consumação do século.

mesa com homens e Jesus cristo

Jesus é Deus. Ele se fez carne e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade. Ele veio para cumprir o propósito do Pai, para agradá-lo e servi-lo. Quando Jesus tinha quase trinta anos, foi batizado e iniciou seu ministério público, pregando o evangelho e multiplicando discípulos aos milhares, dos quais chamou doze para estarem com Ele e os enviar a pregar. Ele andou por toda a parte, fazendo o bem, curando enfermos, expelindo demônios, amando as pessoas, perdoando pecadores, pregando o arrependimento e o Reino de Deus. Durante todo esse tempo, seus seguidores os acompanhavam, viam, ouviam e perguntavam. Ao fim daquele período, foi morto sob Pôncio Pilatos, sendo crucificado como um malfeitor entre ladrões. Mas, ao terceiro dia, Ele ressuscitou e, por quarenta dias, apareceu aos discípulos, dando-lhes instruções. Ao cabo dos quais, foi elevado aos céus à vista deles, foi exaltado à destra de Deus e recebeu o Nome que está acima de todo nome. Ele é o Senhor e Cristo e aguardamos sua volta com poder e grande glória!

A última ordem que Jesus deu aos apóstolos, antes de ser elevado aos céus, foi: “Ide e fazei discípulos”. Fazer discípulos, então, não é uma sugestão, nem uma opinião, mas uma ordem daquele que tem toda a autoridade no céu e na terra. Estudar como Jesus e os apóstolos fizeram discípulos é fundamental para que a nossa prática seja a mais próxima possível da ação do Senhor.

Um discípulo é um aprendiz, aluno, seguidor. O discípulo de Jesus é seu aluno e seu seguidor, mas, além de Jesus, ele precisa ter alguém com conhecimento de Deus e exemplo de vida para lhe ensinar. Um discípulo é um imitador de Jesus, ele é obediente e guiável. Não há como edificar a quem não se sujeita à Palavra de Deus e ao Corpo de Cristo. A atitude que as Escrituras apresentam para um discípulo em relação aos seus guias é: lembrar, imitar, obedecer.

Hebreus 13:7

Lembrai-vos dos vossos guias, os quais vos pregaram a palavra de Deus; e, considerando atentamente o fim da sua vida, imitai a fé que tiveram.

Discipular é o ato de acompanhar alguém e permanecer ao seu lado, ensinando-lhe a guardar todas as coisas que Jesus ordenou.

Cremos que cada discípulo deve ter um discipulador definido. Alguém confiável, que seja conhecedor das Escrituras e modelo para o discípulo. Mesmo que hajam vários mecanismos de ensino, o discipulado não é uma mera opção entre as demais.

Fazer discípulos não é uma sugestão, nem uma opinião, é uma ordem daquele que tem toda a autoridade no céu e na terra. Só conseguiremos fazer discípulos se entendermos bem o que é ser um discípulo. Nunca a igreja foi tão numerosa como atualmente. Mas, a identidade de um discípulo foi perdida ao longo dos anos.

Há muitas pessoas que se dizem cristãs, evangélicas ou discípulas, mas nem sempre suas características e atitudes condizem com o que a Bíblia diz. O termo discípulo precisa ser entendido à luz dos ensinamentos de Cristo.

Mateus 11:28-29

Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para a vossa alma. (grifo nosso)

É muito importante salientar que o termo discípulo se refere a um aluno, não apenas a alguém que faz parte de uma estrutura da igreja, um frequentador de reuniões. Em outras palavras, um discípulo é alguém que está aprendendo, não basta estar matriculado.

Você é um discípulo? Você é guiável? Você tem alguém que esteja trabalhando para que você seja um verdadeiro discípulo? Você faz discípulos?

No próximo artigo falaremos sobre as características de um discípulo.

Trecho do 2 capítulo do livro Discipulado: Um guia prático.

Escrito por: Samuel Farias
Samuel é Pastor, Palestrante, Professor de biologia e desenvolve trabalho de suporte missionário na África e Haiti.